Distribuição de cosméticos

Em vez de ler, que tal ouvir?

A indústria global da beleza (na qual a indústria de cosméticos está inserida) é responsável por gerar US$ 500 bilhões em vendas por ano, de acordo com dados da consultoria McKinsey. E, em uma escala global, essa indústria deverá crescer de 4 a 6% até 2021.

No Brasil, o crescimento desse setor fica frequentemente acima do da economia nacional. Por trás de números de um mercado tão impressionante e forte, está a distribuição de cosméticos e diversos cuidados logísticos para garantir sua execução.

Diante de características tão próprias quando as do segmento de cosméticos, marcado por sazonalidades, lançamentos frequentes e grande capilaridade no modelo de distribuição, esse setor e seus produtos apresentam um conjunto de desafios relevantes em relação ao gerenciamento e à logística da cadeia de suprimentos.

Então, se sua empresa também atua como distribuidora de cosméticos para o atacado, continue a leitura e saiba mais sobre o mercado, desafios e cuidados importantes para esse tipo de operação. Acompanhe.

Importância da distribuição para o segmento de cosméticos

Para o segmento de cosméticos, uma cadeia de distribuição e abastecimento eficiente é vital para desenvolver uma vantagem competitiva e para vencer o desafio relacionado à agilidade na relação entre oferta e demanda.

Devido à natureza deste mercado, influenciado por tendências e novidades constantes, o distribuidor de cosméticos precisa garantir que os produtos estejam sempre disponíveis, e que as estratégias de trade marketing e de logística possibilitem que o mix certo de produtos esteja nos canais de distribuição certos, no momento certo.

Com isso, a distribuição de cosméticos é uma área central para o sucesso e crescimento, também, da indústria de cosméticos. Essa necessita de um amplo sortimento de serviços logísticos para administrar sua cadeia de suprimentos e para garantir a distribuição de seus produtos acabados.

Da mesma forma, uma gestão logística e uma rede de distribuidores ineficientes, que geram interrupções, atrasos e avarias constantes, podem afetar severamente sua reputação e seus resultados financeiros.

Por tudo isso, a distribuição de cosméticos é uma operação tão importante para essas indústrias e um serviço que apresenta cuidados e peculiaridades para a distribuidora de cosméticos no atacado.

→ Está em dúvida se sua logística para distribuição de cosméticos está bem-estruturada? Então, faça uma avaliação gratuita da logística de seu negócio baixando nosso check-list

8 cuidados logísticos importantes para a distribuição de cosméticos

Diferentemente de outros tipos de produtos distribuídos, os cosméticos, depois de gerar demanda, devem estar muito rapidamente nas prateleiras pontos de venda. Pense, por exemplo, na cor de batom indicada por uma influenciadora nas redes sociais, ou em um esmalte utilizado pela protagonista de uma novela. No outro dia, a procura por esses produtos estará elevada, e se eles não estiverem disponíveis no PDV, isso poderá representar uma perda significativa de receita.

Além desse desafio, há as particularidades no manuseio dos produtos até o ponto de venda, o que requer cuidados especiais no transporte, no armazenamento e na distribuição.

Desse modo, o ritmo acelerado dessa indústria e as necessidades específicas de produtos cosméticos criam uma série de desafios de logística e cadeia de suprimentos. O gerenciamento eficiente da cadeia logística é crítico para garantir o sucesso da operação, tanto da distribuidora de cosméticos profissionais quanto das marcas fabricantes.

Por isso, conheça alguns dos desafios comuns nesse tipo de operação e veja dicas de cuidados importantes para sua distribuição de cosméticos:

1. Cuidados para garantir uma boa experiência do cliente

Outro ponto que evidencia como a logística é essencial nesse mercado é quando pensamos na experiência do cliente.

Seja a distribuição de cosméticos via e-commerce B2B ou diretamente nos atacados, os cuidados logísticos associados à preservação da apresentação desses produtos mais delicados é essencial. Muito da experiência do cliente final está associado à aparência dos cosméticos, o que envolve sua embalagem e integridade da estética dos produtos.

→ Para saber mais sobre a oportunidade da venda de cosméticos online, leia o artigo: O crescimento do segmento de cosméticos no e-commerce brasileiro

Com isso, abrir uma embalagem e encontrar uma sombra em pó quebrada ou um brilho labial que vazou por todo o interior da caixa é um problema que afeta diretamente a experiência, a satisfação e a fidelização do cliente final. Portanto, os cosméticos requerem muita atenção quando se trata de embalagem e transporte.

A boa apresentação é uma das bases de todos os aspectos da indústria da beleza. A experiência do cliente deve cumprir visualmente a promessa da marca.

Portanto, os produtos devem ser protegidos durante o transporte para evitar derramamentos, quebras e outros danos que podem tornar o cosmético defeituoso ou inutilizável. Para isso, entre os cuidados necessários, as caixas devem conter os enchimentos necessários para evitar danos durante o transporte.

2. Cuidados com o atendimento dos pedidos

As tendências de beleza influenciam diretamente a demanda pela distribuição de cosméticos. Portanto, a distribuidora de cosméticos para atacado deve ter uma operação bem-estruturada para evitar problemas no atendimento dessas demandas.

No momento de pegar pedido, é fundamental ter total atenção para evitar erros que possam ocasionar desabastecimento e entrega de produtos equivocada. Esses são problemas que podem afetar, e muito, a lucratividade da operação, já que, como vimos, as demandas por produtos podem ser bastante pontuais e imediatas e, portanto, não os ter disponíveis no momento de alta pode ser bastante prejudicial para as vendas.

Nesse cenário, uma empresa com distribuição de cosméticos, com agilidade e eficiência no atendimento aos pedidos e que ajude os atacados a atenderem a essas demandas mais dinâmicas prontamente pode se tornar valorizada para esse segmento e elevar seus diferenciais competitivos.

Isso significa, em grande parte, ser capaz de controlar toda a logística dessa operação com elevada eficiência e, para isso, o uso de um sistema de gerenciamento, que integre e dê visibilidade para todas as etapas da distribuição de cosméticos, é uma iniciativa importante.

3. Cuidados com o controle do estoque

Ao contrário de outras categorias, as marcas de cosméticos costumam lançar novos produtos sazonalmente, semelhante ao que ocorre no mercado da moda. Isso significa que, na distribuição de cosméticos, há uma margem estreita para manter os atacados abastecidos, porém sem ficar com um estoque excessivo parado na empresa.

Com isso, o controle e gerenciamento de estoque de cosméticos apresenta seus desafios. Para ajudar a vencê-los, é crucial manter um controle cuidadoso de seu inventário para garantir que não fiquem armazenados itens obsoletos e esquecidos e, com isso, a empresa perca dinheiro – afinal, estoque que você não pode usar é, também, um tipo de capital desperdiçado. Saber exatamente o que se tem em estoque permite criar estratégias para aumentar o giro dos itens que estão parados.

→ Para mais dicas sobre como organizar seu estoque para a distribuição de cosméticos, confira nosso artigo sobre gerenciamento de estoque nas vendas do mercado distribuidor

4. Cuidados com controle de temperatura e transporte adequado

Os cosméticos são fabricados com ingredientes sintéticos e naturais, o que faz com que suas formulações sejam sensíveis a determinadas variações, incluindo as relacionadas ao clima, temperatura, umidade e luz.

O risco de deterioração é um grande desafio logístico para o distribuidor de cosméticos. Para vencê-lo, é essencial trabalhar com a temperatura e o manuseio adequados no centro de distribuição, durante o transporte até a entrega.

É importante lembrar que os cosméticos podem derreter ou avariar facilmente se forem mantidos em temperaturas extremas ou muito variáveis, criando potenciais problemas de atendimento ao cliente após a entrega, já que é essencial que os produtos sejam entregues em perfeitas condições, não apenas para a percepção e experiência do cliente, como também para manter a eficácia do produto.

Afinal, a fórmula de uma loção ou sérum pode ser comprometida pela temperatura incorreta e afetar os resultados potenciais para seus usuários. Sem esses resultados, sua distribuidora e os atacados, provavelmente, receberão avaliações ruins e perderão clientes. Assim, esses cuidados não são apenas recomendados, mas essenciais para o sucesso desse tipo de operação.

Ainda, cosméticos emulsificados são sensíveis à temperatura. E, quando esses congelam e descongelam, a emulsificação pode sofrer danos e comprometer completamente o produto. Então, é fundamental estabelecer protocolos para que isso não ocorra.

Também é importante ter em mente que os itens podem ser expostos a temperaturas extremas durante o transporte. Assim, os itens suscetíveis, como esmaltes, perfumes e outros produtos embalados em frascos de vidro, bem como demais cosméticos e cremes embalados em recipientes de plástico mais macio, que podem derramar ou vazar, devem ser embalados com cuidados específicos e o veículo deve ter recursos para garantir a constância da temperatura apropriada no interior da caixa de carga, independentemente das condições climáticas.

Além disso, para os cosméticos sensíveis à umidade, é importante adotar cuidados como incluir pacotes de sílica para absorção de umidade na caixa, junto com o material de embalagem.

5. Cuidados com a segurança e monitoramento dos cosméticos

Para uma categoria de produtos que, normalmente, envolve itens pequenos, a segurança é uma grande consideração entre os cuidados logísticos da distribuidora de cosméticos profissionais. Embora esses itens possam ser menores em tamanho, não o são em valor, o que torna perdas e extravios prejudiciais à rentabilidade do distribuir de cosméticos.

Por isso, é importante lembrar de que, como em qualquer cadeia de suprimentos, sua operação é tão forte quanto seu elo mais fraco. Desse modo, cada ponto de armazenamento e provedor de transporte deve ser preparado quanto aos mais altos padrões de segurança, para garantir que esses produtos de alto valor agregado (alguns com até 100% de margem de lucro) não sejam extraviados ao longo da cadeia logística.

6. Cuidados com a armazenagem

Cosméticos com ingredientes diferentes exigem temperaturas e cuidados diferentes. A umidade, por exemplo, pode tornar um creme de alto valor bolorento. Portanto, é necessário seguir as indicações do fabricante com precisão para manusear e armazenar esses produtos adequadamente.

Deve-se considerar que o calor degrada a qualidade de muitos produtos, assim como a umidade, portanto, fazer o armazenamento com controle de umidade é altamente recomendado.

Também é importante ter em mente que produtos de beleza naturais exigem ainda mais cuidados adicionais. Eles têm uma vida útil mais curta do que suas contrapartes convencionais e são mais sensíveis ao ambiente.

Essa questão da durabilidade dos produtos exige bastante atenção em sua armazenagem. As datas de expiração tornam o gerenciamento de estoques de cosméticos uma tarefa complexa e necessária para adotar processos de aquisição flexíveis e eficientes.

No caso de uma gestão de estoque inadequada, isso pode levar a altas taxas de desperdício, que podem comprometer as margens de lucro e toda a operação de distribuição de cosméticos.

7. Cuidados com a integração entre marketing e logística

Como o segmento de cosméticos é fortemente orientado pelo mercado, o marketing impulsiona as vendas de muitos produtos. Com a ascensão do marketing de influência nas redes sociais, isso tem se intensificado.

Diante disso, quando a distribuidora de cosméticos promove um alinhamento e trabalho conjunto entre marketing e logística para o planejamento da operação e das táticas comerciais, é possível melhorar a estratégia como um todo e a eficiência da distribuição de cosméticos.

Quando o marketing envolve a logística no início de uma campanha de incremento às vendas nos atacados de uma região, por exemplo, é possível fazer um gerenciamento muito mais eficiente de todas as ações, otimizando as possibilidades de sucesso da campanha e aliviando o cabo de guerra entre a oferta e a demanda dos produtos.

8. Cuidados com a atualização tecnológica da distribuição de cosméticos

Como vimos, as perspectivas para o mercado de cosméticos são positivas. Os retornos potenciais elevados superam os desafios de cuidados necessários para se montar e consolidar uma distribuidora de cosméticos profissionais.

No entanto, para aproveitar a oportunidade e maximizar o lucro, é preciso enfrentar um setor com competição cada vez mais acirrada e necessidades mais imediatas.

Diante disso, mostra-se cada vez mais necessário otimizar todas as etapas relativas à distribuição de cosméticos. E isso passa pela adoção de soluções tecnológicas altamente especializadas, desenvolvidas a partir das demandas próprias do distribuidor de cosméticos e que ajudem no controle, acompanhamento e melhoria da operação logística da empresa.

Com essas tecnologias, a distribuidora de cosméticos consegue melhorar desde a etapa do pedido, incluindo gestão de estoque, transporte até a entrega e toda a logística da operação de ponta a ponta.

Para descobrir mais sobre como a tecnologia pode ser fundamental para seu negócio de distribuição de cosméticos, confira também nosso artigo sobre porque logística de distribuição e tecnologia devem andar juntas.