economizar combustivel

Economizar combustível é um exercício frequente na gestão logística das empresas atacadistas e distribuidoras. A boa notícia é que já é possível empregar soluções tecnológicas economicamente acessíveis e fáceis de implementar para obter sucesso nesse esforço.

Em vez de ler, que tal ouvir o artigo? Experimente no player abaixo:

 

Com o auxílio da tecnologia, é possível se livrar de grande parte das atividades administrativas operacionais e saltar para uma atuação mais estratégica: saem as dezenas de planilhas, entra a automatização, acabam os longos períodos de análise e começa uma gestão mais orientada a dados.

A seguir, continue a leitura para ver quais são os desafios mais frequentes dos executivos da área logística e como uma solução de roteirização pode ajudar a economizar com combustível no seu negócio!

O desafio de economizar combustível na entrega de mercadorias

Comecemos por uma rápida ambientação acerca do atual cenário em que se encontram os gestores logísticos – em empresas de todos os portes e nos mais variados segmentos do mercado.

As altas nos preços dos combustíveis, somadas às dificuldades de infraestrutura em muitas regiões do país, trouxeram grandes desafios para os executivos da área nos últimos anos.

Se olharmos para o acúmulo de alta da gasolina, temos uma noção deste cenário. Segundo o IBGE, a alta no preço médio da gasolina foi de 19,99% em 2018. Para 2019, deverá haver uma pequena melhora, mas nada que representa animação, segundo estimativa do IBRE/FGV.

No que diz respeito às entregas, a maioria das distribuidoras enfrentam comumente estes problemas:

  • alto custo com o combustível e a manutenção da frota;
  • rápida depreciação da frota;
  • dificuldades com o planejamento da rota, feito pelo motorista – especialmente naquelas em rápido crescimento;
  • ineficiência no planejamento das cargas;
  • não utilização de toda a capacidade de cada caminhão.

Essas dificuldades aumentam a pressão das empresas sobre os executivos da área logística, especialmente porque a competitividade está cada vez mais acirrada e é preciso reduzir custos sem diminuir a qualidade do serviço prestado ao cliente.

Assim, além de lidar com os gastos com manutenção de frotas, a rápida depreciação dos veículos e os imprevistos do dia a dia operacional, é preciso, também, criar uma estratégia para economizar combustível da frota.

Não é tarefa fácil, uma vez que também depende da iniciativa dos condutores e de outras áreas dentro do negócio. Os gestores de logística precisam, ao mesmo tempo, reeducar suas equipes e criar condições para a aplicação das melhores práticas.

Tecnologia para otimizar a gestão e economizar combustível nas entregas

Para lidar com o desafio de economizar combustível, cada vez mais os gestores de logística têm investido em soluções tecnológicas.

A transformação digital chegou com tudo nesta área, proporcionando melhores resultados, automatização de processos, facilidades de montagem de workflows de trabalho, entre outros benefícios.

Uma das ferramentas empregadas para essa finalidade é o roteirizador de entregas. Esse tipo de solução ajuda a traçar a melhor a rota para que as entregas sejam feitas no menor tempo e quilometragem possível.

Com um roteirizador de cargas, também fica bem mais fácil e eficiente planejar as janelas e condições de entregas – sempre levando em consideração o local e as restrições do cliente, o tipo de caminhão utilizado e o de mercadorias a entregar.

Obviamente, a tecnologia é um reforço de gestão. Ela precisa ser empregada em conjunto com práticas variadas. Entre as mais recomendadas, se destacam:

  • manutenção da frota (preventiva e reparativa);
  • qualificação e educação dos condutores;
  • negociação com fornecedores de combustível;
  • medidas de não desperdício de combustível;
  • acompanhamento e monitoramento dos valores gastos com combustível etc.

 

5 sinais de que está na hora de recorrer a tecnologia para economizar combustível

Nem sempre os gestores conseguem perceber que precisam agir com urgência para economizar combustível. Alguns até percebem, mas não conseguem convencer a direção da empresa de que é preciso adotar certas tecnologias no processo.

Pensando nisso, a seguir, apontamos os sinais mais claros de que está na hora de virar o jogo.

Sinal 1: Não é possível prever o gasto mensal de combustível

Não ter previsibilidade no montante de dinheiro gasto mensalmente é um sinal claro de que algo está errado. Como é possível traçar estratégias para economizar combustível se há descontrole de custos?

Muitas vezes, a oscilação nos valores é justificada pelas sazonalidades no volume de vendas feitos pela empresa. Contudo, é muito importante uma análise profunda para ver se isso é mesmo uma desculpa.

Sinal 2: Está difícil estabelecer um teto para os gastos com combustível

Não conseguir definir um teto para os gastos é um pouco consequência do tópico anterior, o que abre margem para algo como “precisamos economizar combustível, não sabemos quanto, mas precisamos”. E isso é um problema, pois a saúde financeira da empresa — e os resultados da área — podem ser seriamente comprometidos.

A tecnologia pode ajudar nos registros de custos, mas também na análise da evolução dos gastos e na comparação com os retornos obtidos, o que ajuda a tornar mais realista o projeto de economizar combustível, entre outros.

Sinal 3: Gasta-se muito tempo analisando planilhas

Todo mês, o gestor passa uma semana consolidando planilhas de Excel, somando gastos e comparando com outros números importantes para suas análises administrativas.

Se isso acontece, é hora de ligar o sinal de alerta.

A falta de integração dos controles, bem como a não automatização dos processos de análise, pode sufocar a capacidade de tomar decisões inteligentes.

Em médio e longo prazo, até a capacidade analítica do executivo pode ser questionada.

Sinal 4: A equipe de transporte não consegue cumprir os roteiros pré-definidos

Todo o esforço de definição de rotas de entrega é em vão, pois os condutores (do time interno ou contratados) não conseguem cumpri-las à risca – e eles apresentam uma série de justificativas.

Este também é um sinal claro de que é preciso automatizar este processo e acompanhá-lo com uma ferramenta eficaz e confiável. Afinal, calcular a melhor rota e prever o volume de combustível gasto previamente não é uma tarefa simples de ser realizada manualmente.

Sinal 5: A direção da empresa está cobrando redução de custos

Esta é uma cobrança constante, mas se está mais acirrada nos últimos tempos, é sinal de que é preciso agir no âmbito da administração.

Uma gestão mais orientada a dados amplia a visão do gestor logístico. Ele consegue definir processos mais controláveis e, sobretudo, mensurar resultados em tempo real, e isso lhe abre margem para a melhoria contínua, podendo fazer modificações mais frequentes e mais certeiras.

Conheça o maxRoteirizador, a solução que vai te ajudar a economizar combustível

Agora, vamos te apresentar o maxRoteirizador, solução da Máxima Sistemas com a qual é possível traçar a melhor a rota para que suas entregas sejam feitas no menor tempo e quilometragem possível.

Com o maxRoteirizador, fica bem mais fácil planejar janelas e condições de entregas, levando em consideração o local e as restrições do cliente. Também, o tipo de caminhão utilizado e as categorias de mercadorias transportadas podem ser controladas mais facilmente com o sistema.

Confira este vídeo:

Uma grande vantagem do maxRoteirizador é que, além de definir as rotas e aprimorar o transporte para que seja realizado em prazos razoáveis, ele permite acompanhar o que foi planejado em tempo real.

Em outras palavras, o gestor logístico pode ver se tudo o que foi previamente roteirizado e previsto realmente está sendo cumprido pelos condutores.

Assim, fica mais eficiente cobrar desempenho e receber feedbacks fidedignos para a realização dos ajustes necessários — o cotidiano dos profissionais nem sempre acontece conforme o previsto, logo, é preciso aprimorar os processos à realidade.

Além de criar parâmetros e cobrar que eles sejam cumpridos pelos profissionais envolvidos na operação, o sistema de roteirização inteligente ajuda a mensurar os resultados: tudo em tempo real, o que facilita a definição e a redefinição de planos de ação em prazo hábil.

Neste webinar que apresentamos recentemente, mostramos como é possível usar o maxRoteirizador para criar uma roteirização inteligente, otimizando o controle de frota.

Veja:

Benefícios do maxRoteirizador, para além do esforço de economizar combustível nas entregas

Além de tudo o que já expusemos, também é importante agregar que o maxRoteirizador entrega as seguintes vantagens:

Economizar nas entregas, realizando-as mais rapidamente

O mundo ideal é aliar o esforço de economizar combustível com a percepção de eficiência pelo cliente. Na concorrência acirrada de hoje, quem entrega antes tem mais facilidade para fidelizar e proporcionar vendas recorrentes.

Diferenciação perante a concorrência

Está cada dia mais difícil se destacar dos concorrentes. O maxRoteirizador ajuda a reduzir custos e, ao mesmo tempo, fazer mais rápido e melhor que a concorrência – ele proporciona uma gestão mais inteligente e eficiente. E sabemos que essa economia no custo das entregas acaba impactando o preço de venda dos seus produtos, tornado-os mais competitivos.

Aumento da satisfação dos clientes

Muito se tem falado em criar um relacionamento mais agradável com os públicos de interesse dos negócios. A experiência do cliente, neste sentido, é algo estratégico.

O maxRoteirizador é uma tecnologia que facilita a obtenção desse resultado que, por mais intangível que pareça, faz toda a diferença na competitividade do negócio.

Redução no índice de erros nas entregas

Conforme o negócio escala, o índice de erros e retrabalhos aumenta nas empresas pouco informatizadas.

O maxRoteirizador proporciona otimização de processos, que passam a seguir uma sequência lógica e otimizada de atividades  – e isso reduz os erros a uma margem mais aceitável e pouco percebida pelo mercado.

Aumento da capacidade de entregas diárias sem alteração de custo

A solução da Máxima Sistema tem ajudado muitas empresas a escalarem sua capacidade de atendimento aos clientes. Ela oferece a facilidade de escalar a operação sem elevar gastos, com combustível e outros, pois torna todo o processo de entrega mais inteligente e de simples controle.

Maximização da taxa de ocupação e utilização dos veículos

Evitar que parte da frota fique ociosa, ou que faltem carros para atender as demandas da operação logística, também é um resultado facilmente conseguido com o maxRoteirizador.

O sistema torna o planejamento mais eficiente e ajuda a controlar a execução do que foi planejado em poucos cliques, sem complicações.

Controle amplo do processo completo de carga e descarga

Por fim, as rotinas de carga e descarga merecem um acompanhamento mais eficiente. E isso também é proporcionado pelo software da Máxima Sistemas.

Com o maxRoteirizador, é possível ter previsibilidade nas atividades de carga e descarga, e também, quando necessário, realizar reformulações em tempo hábil.

→ Leia também: Como reduzir custos operacionais com logística integrada!

Conclusão

Como vimos, o esforço de economizar combustível não tem sido fácil para os gestores logísticos no Brasil. Fatores externos, como a alta nos custos desse insumo fundamental e, também, problemas na economia e na infraestrutura do país são desafios constantes.

Mas a operação não pode parar, e mais, ela precisa ser constantemente reinventada e aprimorada para evitar perda de competitividade. O eterno equilíbrio entre custos e retornos sobre os investimentos põe os executivos da área no centro do pêndulo.

É por isso que é cada vez mais importante tornar a gestão logística mais orientada à tecnologia. Criar processos mais enxutos e integrados, e ter uma gestão orientada a dados é a melhor escolha.

Com a informatização de processos, como a entrega de mercadorias, entre outros, é, sim, possível ultrapassar essas barreiras.

Como apresentamos, uma decisão relativamente simples, como a inserção de uma ferramenta de roteirização inteligente, é um divisor de águas. E o melhor de tudo isso é que inserir uma solução como o maxRoteirizador no dia a dia da operação logística não é caro e nem requer grandes modificações em termos de infraestrutura de TI.

Com a simplificação da tecnologia atualmente, em pouco tempo é possível obter resultados palpáveis — economizar combustível, por exemplo.

Isso, é claro, requer um esforço de adaptação à mudança. Em outras palavras, requer uma nova mentalidade por parte dos executivos da área. Afinal, a inserção da tecnologia faz com que velhas práticas de gestão precisem ser gradualmente esquecidas.

O que não se pode negar é que, com a tecnologia, é possível obter modificações palpáveis, sendo a economia de gastos com combustível uma das mais apreciadas pelos gestores.

Você está preparado para economizar combustível com o maxRoteirizador? Gostou das dicas que trouxemos aqui? Solicite agora mesmo uma demonstração e veja como é simples usar nossa solução!

Fabrício Santos

Gestor de Mercado em MáximaTech
Especialista em logística para o atacado distribuidor com 14 anos de atuação na área e apaixonado por reduzir o custo logístico dos clientes Máxima.
Fabrício Santos