mix de produtos

O mix de produtos certo nos PDVs é uma das maiores garantias que a distribuidora tem de que os seus esforços dentro da realidade do trade marketing oferecerão os resultados esperados sem maiores percalços.

Sem tempo de ler agora? Experimente ouvir o artigo, é só clicar no player abaixo.

Mas como realizar essa escolha? Quais são os pontos a levar em consideração na hora de elaborar um bom mix de produtos, que vende bem e de forma bem distribuída? Se essas são as suas dúvidas, você veio ao lugar certo.

Neste artigo, vamos falar sobre a melhor forma de criar um mix de produtos otimizado, com maiores capacidades de venda e que traga lucro. Acompanhe.

O que é um mix de produtos otimizado?

Para chegar à resposta dessa pergunta, primeiramente, precisamos estabelecer o que é um mix de produtos e quais são os benefícios que ele traz para a indústria que quer aumentar as vendas no PDV.

Um mix de produtos é a definição para a variedade de rótulos que uma indústria e, consequentemente uma distribuidora, oferece nos PDVs, ou seja, as opções que o varejista e o consumidor final terá para adquirir de acordo com as suas necessidades.

Ter um bom mix de produtos significa que a sua distribuidora está alcançando mais clientes e vendendo mais. Uma indústria alimentícia, por exemplo, focada na venda de macarrão, atinge uma parcela grande da população, mas atingiria ainda mais se vendesse outras variedades do mesmo produto, como tipos diferentes, macarrão integral, dentre outros.

Um bom mix de produtos ainda traz uma possibilidade muito maior: a de encantar os clientes já consolidados, que passam, então, a procurar sua marca por predileção e por se identificar com ela.

Soluções vegetarianas e veganas, por exemplo, são ótimas para o setor alimentício e estão em alta como tendência para o futuro. Se uma indústria os coloca no seu mix de produtos, ela passa a ser respeitada entre os círculos específicos de pessoas que consomem esses rótulos.

Mas como criar um mix de produtos otimizado? Continue a leitura para descobrir!

Confira também as nossas dicas em vídeo:

Criando um mix de produtos otimizado

Existem algumas recomendações na criação de um mix de produtos otimizado e que vende bem por completo. É necessário saber, antes de começar, que um bom mix de produtos não é necessariamente aquele que somente dá lucro, mas que possui uma boa margem de venda em todas as suas ofertas.

Por isso, o importante não é conseguir muitas vendas em um produto, mas sim que todos eles vendam de forma proporcional. Confira neste tópico as melhores maneiras de atingir esse resultado:

Estabeleça estratégias sólidas

Para criar um mix de produtos otimizado, o primeiro passo deve ser justamente o que vimos: criar um mix de produtos otimizado.

Mas como assim? Explicamos: você precisa saber qual é o seu produto campeão de vendas e criar alternativas à ele e produtos que o referenciam. Preste atenção, também, nos segundos colocados, nos terceiros e assim sucessivamente, criando um mix de produtos que se sustenta, primariamente, pelas vendas.

Mas não é só de vendas que vive um mix de produtos otimizado. Você precisa identificar as necessidades dos clientes e entendê-las, afinal, são elas que os levam a comprar algo em específico no seu mix de produtos, procurando padrões de comportamento.

Se você vende muito uma variedade integral de macarrão, como o nosso exemplo, crie outras opções dentro desse leque. Agora, se você vende muito um produto mais econômico, ofereça outros mais baratos, referenciando diversos ativos do seu mix.

Incentive os promotores

Você pode criar campanhas de premiação que incentivam a venda de produtos com menos saída, para que eles figurem mais nos PDVs e passem a ser conhecidos dos consumidores.

Quando algum produto não aparece nas prateleiras, torna-se muito mais difícil vendê-lo para os shoppers, o que, consequentemente, dificulta a venda para os PDVs, alimentando um ciclo difícil de se quebrar.

Crie campanhas de divulgação

Para aumentar a venda de produtos que não possuem muita circulação, um passo fundamental é a criação de campanhas de divulgação.

Com elas, os clientes sentem-se compelidos a comprar, nem que seja para experimentar, e o produto passa, pouco a pouco, a fazer parte das vidas dos shoppers.

Analise os resultados

É importante que você saiba perfeitamente se os seus esforços com campanhas, promoções, treinamentos de promotores e até a própria escolha do mix de produtos otimizado estão funcionando e dando um bom retorno do investimento.

Para atingir esse resultado, seu time de trade marketing deve estar no máximo da sua competência, analisando os dados de forma concisa e elaborando estratégias de execução contundentes.

Você tem a estrutura necessária para fazer essa análise? O estudo começa a partir daí, com a autorreflexão. Se você procura uma solução ou mais informações sobre o trade marketing, mix de produtos e a ativação de PDVs, continue acompanhando o blog da Máxima ou entre em contato conosco. Teremos prazer em ajudar a sua distribuidora a vender mais e melhor.